Sete razões para evitar o consumo de mel

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
1. As abelhas são criadas em processos industriais, assim como as galinhas, os porcos e as vacas
Esses insetos são produzidos em larga escala por apicultores, onde eles vivem confinados em ambientes artificiais apertados e ficam feridos muitas vezes.
2. As abelhas são feridas no processo de coleta do mel
Apicultores podem ser descuidados ao coletarem mel. As asas e as pernas das abelhas são frequentemente arrancadas no processo. Além disso, os agricultores cortam as asas da abelha rainha para se certificarem de que ela não irá sair da colmeia.
3. Abelhas polinizam flores naturalmente
As abelhas desempenham um papel essencial na polinização, que é necessário para a reprodução das plantas, de modo que, se elas fossem extintas, o ecossistema correria o risco de entrar em colapso.
4. Abelhas precisam de seu mel
O mel ajuda as abelhas a sobreviver no inverno. E ele é feito com nutrientes específicos necessários para a sua sobrevivência.
5. O mel é vendido para o lucro
As abelhas são exploradas para que as grandes organizações lucrem com seu mel.
6. As abelhas trabalham constantemente
Uma única abelha operária pode visitar até 10 mil flores por dia e, durante toda a sua vida, produzir apenas uma única colher de chá de mel. Todas as abelhas têm um trabalho específico a fazer, dependendo de sua idade, sexo e época do ano. Não devemos manipular este processo.
7. Roubar é errado
Todo mundo sabe disso. Então por qual motivo aceitamos roubar algo de um animal? O mel é essencial para a sobrevivência das abelhas, e elas trabalham arduamente para fazer isso!
O que você pode fazer:
É fácil. Evite todos os produtos que são feitos com mel. Outros adoçantes, como agave e xarope de ácer, são deliciosas alternativas que não prejudicam as abelhas ou qualquer outro animal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário