Ativistas da causa animal tiraram a roupa no Centro de Porto Alegre para protestar contra o sacrifício de animais em rituais religiosos.



Um ‘despacho’ humano foi representado na manhã desta terça-feira (7), no Largo Glênio Peres, entre o Mercado Público e o Chalé da Praça XV.

O grupo tem participação de uma gaúcha radicada na França e de um francês, militantes em campanhas internacionais de Peta (People for the Ethical Treatment of Animals) e Sea Shepherd Conservation Society.

O protesto aconteceu na mesma hora em que a Assembleia Legislativa decidiu adiar para semana que vem a aceitação de projeto que proíbe os sacrifícios de animais em rituais religiosos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário