Para Deus somos todos iguais, por Ricardo Luiz Capuano



Jesus é o Espirito mais evoluído que andou na Terra! Assim clamam os Espíritos encarnados e desencarnados. Ele é o exemplo a ser seguido em todas as religiões de pensamento cristão. Marcador de nossa historia, tão importante que dividiu nosso caminhar pelo tempo em duas partes, antes e depois de sua existência.

Cada um de nós se desdobraria em gentilezas e seria prestimoso, caso tivéssemos a honra de conviver com Jesus, “o maior de todos”, “rabi”, mestre da humanidade. Mas quais de nós faria o mesmo por um doente sem parentesco, ou mesmo um prisioneiro condenado.

O que pensar então quando, esse Espírito tão evoluído, diz que ao acolhermos e ajudarmos aqueles mais fracos e que muitas vezes se encontra no outro extremo da escala moral, como os que se encontram na prisão, estamos acolhendo como se fosse Ele. Como se não houvesse diferença, como se fosse a mesma coisa…. Disso podemos tirar uma conclusão;

Para Deus somos todos iguais, todos temos a mesma importância e o mesmo valor. É essa é a lição a ser aprendida com essas palavras.

Para Ele, nosso Pai querido e para os Espíritos que já alcançaram uma compreensão maior, somos TODOS iguais.

Quando visitamos um prisioneiro, por mais hediondo que seja seu crime, e lhe damos atenção e carinho, esse ato tem o mesmo valor que se ajudássemos ao próprio Jesus lhe dando um punhado de comida ou água. O ato de caridade e amor tem o mesmo valor, por que os Espíritos que o recebem tem o mesmo valor…

Pensando em termos espiritas, a única diferença entre Jesus e aquele criminoso que estava ao seu lado na cruz é o tempo e o aproveitamento do tempo. Com o passar do tempo e dependendo do aproveitamento das oportunidades de evolução, aquele criminoso pode ser tornar tão sábio e bom quanto Jesus. Só depende dele aproveitar o tempo com sabedoria.

Mas prestemos mais atenção ainda, quando diz Jesus; “o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes,” . Jesus não diz: “o que fizestes a um destes humanos, ou homens pequeninos a mim os fizestes. Simplesmente diz a esses pequeninos irmãos, pequeninos por que ainda estão no começo da caminhada moral. Assim por que não imaginar que ele, Jesus, possa incluir os animais e mesmo as plantas no significado da expressão; “PEQUENINOS IRMÃOS”. Pois, são irmãos criações do mesmo Pai, e não é assim entre Quando damos comida a um cão de rua, acolhemos um gato atropelado e levamos ao veterinário, quando soltamos uma ave silvestre de um alçapão e lhe restauramos a liberdade é como se ao próprio Jesus que estivéssemos ajudando.

Quando levamos carinho aos animais de ONGS e instituições de resgate de animais, quando denunciamos traficantes de animais silvestres e pessoas que mau tratam animais, quando auxiliamos para que um cão perdido reencontre seu lar é como se ao próprio Jesus que estivéssemos auxiliando. Pois um dia aqueles Espíritos que hoje estão estagiando na fase animal, irão adentrar no mundo dos homens e, passo a passo, se aproximarão da perfeição que Jesus alcançou.

Não esqueçamos nunca sua palavras :

“Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário